Quem mora em condomínio é obrigado a saber disso!

É um dever do ser humano, ser respeitoso e viver em harmonia com a sociedade num todo. Afinal, somos instruídos desde berço que não somos únicos no mundo e por isso devemos nos socializar da melhor forma possível.

Mas nem sempre é isso que acontece quando passamos a viver em condomínios, não é mesmo? O conceito da palavra é bem simples, "condomínio é o objeto pertencente a mais de uma pessoa”, isto é, o condomínio é seu sim, porém é de propriedade dos demais vizinhos, os condôminos.

Abaixo listamos algumas coisinhas super corriqueiras que podem acontecer onde você mora e que você tem “obrigação” de saber.

→ Nunca descarte pela sacada ou janela as cinzas e bitucas de cigarro. Tais detritos podem provocar um incêndio, danificar o patrimônio e poluir o ambiente abaixo.

→ Quem costuma arrastar móveis e bater portas com frequência está perturbando o sossego alheio.

Instalar feltros nos pés dos móveis e batentes de borracha das portas pode diminuir os ruídos causados.

→ Ao instalarem telas de proteção nas janelas e sacadas certifiquem-se de que irão utilizar parafusos de inox e realizar a vedação dos furos com silicone.

Tais cuidados evitarão surgir infiltração em seu apartamento e manchas na pintura.

→ Nada pode ser arremessado pela janela ou sacada do apartamento.

Esse hábito coloca em risco a integridade física das pessoas que circulam abaixo, além de poluir o ambiente.

→ O síndico não pode aplicar as penalidades descritas no regimento interno sem a evidência concreta da infração.

Imagens, fotografias e relatos de testemunhas podem colaborar neste sentido.

Compartilhe essas informações com os desavisados aí no seu condomínio!

Nos vemos na próxima.